yahoolifestyle:

Quem não quer um cabelo encorpado, brilhante, com movimento? Enquanto estamos preocupadas com a aparência estética a verdade é que o estado dos fios pode ser uma indicação da saúde geral.

Cabelos servem a um propósito biológico: assim como a nossa pele ele ajuda a regular a temperatura do corpo e manter a cabeça quente. Enquanto o estresse emocional, a genética, medicamentos e questões hormonais afetam o nosso cabelo, a dieta também influencia a saúde dos fios, sua função e aparência.

A Washington School of Medicine George escreve: “Praticamente todas as deficiências nutricionais podem afetar a saúde do nosso cabelo, pele e unhas de alguma maneira”. Aqui está uma lista de alimentos que podem trabalhar de dentro para fora para manter ou melhorar a saúde do cabelo:

1. Sementes

Nossos cabelos, unhas e pele são compostos de proteínas e minerais. Sementes como gergelim, linhaça, girassol, abóbora e chia são uma forma gostosa de adicionar proteínas de origem vegetal e ácidos graxos essenciais à dieta – dois componentes nutricionais que são cruciais para um cabelo saudável.

Polvilhe-as em uma salada, no arroz, iogurte, aveia e cereais ou adicione-as a panquecas e pães.

2. Alimentos usados topicamente
Alguns alimentos podem ajudar a restaurar a saúde do cabelo quando usados topicamente. Na medicina tradicional chinesa, massagear o couro cabeludo diariamente com suco de gengibre é recomendado para estimular a circulação do sangue e incentivar o crescimento do cabelo, diz Cullen.

Para cabelos grisalhos, alguns chás podem tonalizar a cor de uma forma natural. Você pode mergulhar o cabelo em chás preto se tem cabelos escuros. Tente chá de hibisco ou rooibos para cabelo vermelho. Use camomila para fios loiros. E máscaras à base de proteína do ovo podem ajudar com cabelos quebradiços. Bata dois ovos e, em seguida, use-os para fazer massagem no cabelo seco; deixe por 10 minutos e enxague.

3. Ostras e mariscos

Estas criaturas do mar, que se acredita serem afrodisíacas, podem também melhorar a aparência física do cabelo. Ostras são uma rica fonte natural de zinco e a maioria dos mariscos também são uma excelente fonte de selênio, ferro e proteína, todos cruciais para a saúde dos fios.

4. Algas

Algas contêm ácidos graxos essenciais e importantes para a saúde do cabelo. Os alginatos em algas são também eficazes no processo de desintoxicação do nosso corpo, removendo as substâncias que podem perturbar o crescimento saudável de células e, portanto, o crescimento do cabelo. Maneiras simples de incorporar algas na dieta incluem adicioná-las ao arroz, sopas e saladas.

5. Cúrcuma

Esta especiaria, derivada de uma planta do leste asiático, tem sido utilizada na medicina ayurvédica durante séculos. Quando consumido, o tempero estimula esteróides naturais do corpo para reduzir a inflamação e o inchaço. De acordo com o acupunturista Jason Cullen, a perda de cabelo pode ser associada com condições inflamatórias. Além disso, a Research Labs MPB na Coréia realizou uma pesquisa preliminar que concluiu que um componente da cúrcuma, a curcumina, promove o crescimento do cabelo.

6. Leguminosas

Uma vez que os folículos de cabelo são constituídos por 50 a 100 proteínas diferentes, a chave para um rabo de cavalo lindo pode ser uma prato cheio de proteína. Leguminosas ou feijão são uma ótima maneira de conseguir isso, especialmente para vegetarianos. Além de proteínas, a maioria dos grãos contêm ferro, zinco e vitaminas do complexo B.

7. Peixes oleosos

Peixes como salmão, sardinha, cavala, truta, sardinha, arenque e enguia são todos fontes de proteínas, ácidos graxos essenciais, omega-3 e omega-6 de alta qualidade. Esses ácidos graxos são cruciais para o cabelo, pele e unhas saudáveis, de acordo com a Universidade de Maryland, que escreve que eles “ajudam a pele e estimulam o crescimento do cabelo, mantendo a saúde óssea, regulando o metabolismo e mantendo o sistema reprodutivo”.

Outra pesquisa mostra que estes alimentos também podem ajudar a hidratar o cabelo seco e a melhorar brilho e brilho. Mas futuras mamães, cuidado: as mulheres grávidas e lactantes precisam consultar seus médicos sobre o consumo seguro, porque determinados tipos de peixe podem conter mercúrio e outras toxinas.

8. Ovos

Quando se trata de cabelo saudável, ultimamente tem havido uma série de novidades sobre biotina – um nutriente encontrado na gema de ovo. Estudos recentes sugerem que a biotina funciona para proteger o folículo piloso e impede a ruptura dos fios.

9. Grãos integrais

Grãos integrais de trigo, cevada, aveia e quinoa são uma fonte saudável de fibras e vitaminas do complexo B, bem como ferro, zinco e sílica. Sílica, que é encontrada em muitos grãos integrais (juntamente com passas e cerveja), tem sido chamada de “beleza mineral”. Um estudo realizado pela Universidade de Cincinnati descobriu que as mulheres de cabelos finos que receberam 10 miligramas de sílica por dia durante nove meses ganharam um cabelo mais grosso, com maior elasticidade e melhor resistência à tração.

Foto Yahoo