Pamonhas doces

Pamonhas doces –

Ingredientes:
12 espigas de milho verde
2 xícaras (chá) de leite de côco
3 xícaras (chá) de açúcar
3 colheres (sopa) de margarina derretida
100 g de côco ralado
1/2 colheres (chá) de sal
1 queijo minas fresco em tiras
palhas de milho verde para embalar
tiras finas de palha de milho verde para amarrar
Modo de Fazer:
1.Separe as palhas das espigas de milho verde, lave e coloque em uma panela. Acrescente água até cobrir e leve ao fogo, assim que levantar fervura, deixe ferver por 3 minutos. Retire do fogo, escorra e reserve.
2.Retire os grãos de milho verde das espigas com o auxílio de uma faca ou rale as espigas rente ao sabugo. Coloque o milho verde no liquidificador e bata com 1 xícara (chá) de leite de côco por 5 minutos. Junte o restante do leite, o açúcar, a margarina, o côco ralado e o sal e bata novamente até obter um creme homogêneo. Reserve.
3.Pegue duas palhas de milho reservadas e com a parte mais larga apoie três dedos na parte de dentro e enrole, fazendo uma bolsinha, usando os três dedos para prender a parte que transpassa. Com a outra mão, dobre o bico da parte de baixo para fazer uma canequinha, vire a abertura para cima ; coloque a massa de milho verde até a borda e recheie com a tira de queijo.
4.Em uma panela grande com bastante água fervente, coloque as pamonhas e tampe deixando cozinhar por cerca de 45 minutos. Elas estarão prontas quando a palha começar a ficar amarelada. Retire cuidadosamente com o auxílio de uma escumadeira, aguarde esfriar e sirva em seguida.Imagem blogdamahh.wordpress.com

 

Cleusa Ely

O portal muzambinhense de recordações ilustrativas, nos remetendo ao saudosismo e sentimentalismo. Sou apaixonada por fotografias antigas e essa particularidade me fez criar a página Sou mais Muzambinho. Desde fevereiro de 2012, faço do meu hobby, uma realização pessoal. Essa página não seria tão ilustrativa sem a ajuda de meus colaboradores. Chego à ser cansativa nos pedidos às pessoas que possuem um acervo interessante, mas é na insistência que consigo fotos fabulosas e de valor inestimável. As fotos atuais são feitas por mim, para um comparativo de lugares e ângulos iguais às fotos antigas. Tenho orgulho de minha cidade e quero que suas belezas naturais sejam compartilhadas com todos nossos conterrâneos. Obrigada à todos por fazerem da minha realização a sua contemplação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *